Associação Brasileira de Filosofia e História da Biologia

 

“Filosofia e História da Biologia”

 

Edição impressa: ISSN 1983-053X

Edição eletrônica: ISSN 2178-6224

Associação Brasileira de Filosofia e História da Biologia
Apresentação Edições Equipe Normas Aquisição Busca

Filosofia e História da Biologia

"As concepções históricas de sucessão ecológica e os livros didáticos"
Patrícia da Silva Nunes; Osmar Cavassan
Filosofia e História da Biologia, volume 6, número 1, páginas 87-104, 2011

artigo em formato PDF

Resumo: O conceito de sucessão ecológica, possuidor de um potencial integrador no ensino de Ecologia, vem passando por diversas transformações desde que foi desenvolvido. Mesmo diante dos debates e mudanças na concepção de sucessão ecológica, muitos livros didáticos atuais não contém atualizações conceituais. Eles apresentam ideias há muito tempo ultrapassadas e que não levam em consideração a complexidade do fenômeno, tratando-o de maneira simplista e fragmentada e abordando exemplos em que a variável tempo, por ser ampla demais, torna dificultada a compreensão pelos alunos. Além disso, fatores como competição, entrada de sementes e participação de animais e microorganismos no processo ficam esquecidos. Assim, o objetivo deste trabalho foi investigar quais as bases históricas desse conceito que ancoram as temáticas encontradas nos livros didáticos, fazendo-se uma comparação entre os livros didáticos utilizados no Brasil na década de 1970 e os atuais.
Palavras-chave: história da sucessão ecológica; ensino de biologia; ensino de ecologia; história da biologia

The historical concepts of ecological succession and textbooks

Abstract: The concept of ecological succession, that contains an integrative potential in the teaching of Ecology, has undergone several transformations since it was proposed. Notwithstanding the debates and changes in the concept of ecological succession, many current textbooks are not conceptually updated. They present ideas long outdated and do not take into account the complexity of the phenomenon, treating it in a simplistic and fragmented way, and addressing instances where the time variable, being too wide, is a barrier to the understanding of the concept by students. Moreover, factors such as competition, seed input and participation of animals and microorganisms in the process are left aside. Thus, the objective of this study is to investigate what are the historical bases of this concept that anchor the themes found in textbooks, making a comparison between the textbooks used in Brazil in the 1970s and the present.
Keywords: history of ecological succession; biology teaching; ecology teaching; history of biology

Para ter acesso aos sumários de todos os volumes da revista Filosofia e História da Biologia, clique aqui.

 Associação Brasileira de Filosofia e História da Biologia (ABFHiB)