Associação Brasileira de Filosofia e História da Biologia

 

“Filosofia e História da Biologia”

 

Edição impressa: ISSN 1983-053X

Edição eletrônica: ISSN 2178-6224

Associação Brasileira de Filosofia e História da Biologia
Apresentação Edições Equipe Normas Aquisição Busca

Filosofia e História da Biologia


"A doutrina das causas finais na Antiguidade. 1. A teleologia na natureza, dos pré-socráticos a Platão"
Roberto de Andrade Martins
Filosofia e História da Biologia, v. 8, n. 1, p. 107-132, 2013.

artigo em formato PDF

Resumo: Da Antiguidade até o século XIX foi muito comum procurar-se entender os fenômenos naturais (especialmente os biológicos) através de causas finais. Este artigo analisa um dos períodos de formação dessas concepções, na Antiguidade, dando especial atenção às contribuições de Sócrates e Platão. Estes introduzem a ideia de uma divindade inteligente e bondosa, que planeja a estrutura do universo e de todos os seres da melhor forma possível. Essa concepção teve grande influência, no período posterior.
Palavras-chave: causas finais; teleologia; pré-socráticos; Anaxágoras; Diógenes; Sócrates; Platão; filosofia da biologia

The doctrine of final causes in Antiquity. 1. Teleology in nature, from the Presocratics to Plato

Abstract: From Antiquity to the 19th century it was very common to explain natural phenomena (especially biological ones) through final causes. This paper analyses one of the periods of development of this concept, in Antiquity, with special emphasis upon the contributions of Socrates and Plato. They introduced the idea of an intelligent and beneficial god, who plans the structure of the universe and of all beings in the best possible way. This concept was strongly influential in later periods.
Keywords: final causes; teleology; Presocratics; Anaxagoras; Diogenes; Socrates; Plato; philosophy of biology

Para ter acesso aos sumários de todos os volumes da revista Filosofia e História da Biologia, clique aqui.

 Associação Brasileira de Filosofia e História da Biologia (ABFHiB)